As crianças de Tiradentes no universo das artes visuais – UFSJ

Desenhos e pinturas que compõem exposição no Museu Casa Padre Toledo e até um filme de animação fazem parte dos resultados já alcançados pelo curso de extensão da UFSJ «Introdução ao Desenho e à Pintura«.

Crianças fazem arte”, afirmam por aí. Mas também são artistas, como comprovam as meninas e os meninos participantes do curso de extensão da UFSJ “Introdução ao Desenho e à Pintura”. Esses artistas mirins, com idade entre 8 e 12 anos, moradores do bairro Alto da Torre, em Tiradentes, estão vivendo meses intensos. Primeiro, em agosto, participaram de uma oficina de animação, feita do pó de café, com a artista russa Svetlana Filippova, durante o Festival Artes Vertentes. Agora, seus trabalhos de pintura e desenho compõem a exposição “A crença da liberdade”, no Museu Casa Padre Toledo, em Tiradentes.

Svetlana, que é diretora de cinema de animação, ensinou alguns princípios básicos do cinema de animação, como roteiro e storyboard, explicou a técnica de animação com borra de café, desenvolvido por ela própria, e colocou as crianças em contato com as etapas da produção de uma animação. O resultado é um vídeo de dois minutos, feito pelas crianças com o uso das técnicas aprendidas durante a oficina, que pode ser conferido no link https://goo.gl/FLq6a1

Já a exposição no Museu tem mais de 90 trabalhos de pintura e desenho elaborados pelas crianças do projeto. Para conferir as obras, o público pode visitar o local até o dia 29 de outubro, de quarta a segunda-feira, no horário das 9h às 17h.

Um trabalho pessoal que modificou as crianças

Sônia Braga é coordenadora de ação social da Associação de Moradores do Alto da Torre (AMAT) e acompanha diretamente o projeto. Ela, que já realiza trabalhos voluntários há 35 anos, esteve presente na abertura da exposição. O que a surpreende no projeto são os resultados tão rápidos já alcançados.

Não é só uma pintura ou um desenho. É um trabalho pessoal que modificou o comportamento das crianças. Fiquei emocionada ao ver meu nome lá junto com o das crianças! Não esperávamos que o projeto ascendesse assim e atingisse até um festival do nível do Artes Vertentes”, diz, demonstrando satisfação e surpresa.

O projeto, atualmente, atende a uma média de 15 crianças, mas como a procura tem sido intensa, o que se espera é a construção de um novo espaço na cidade para que as aulas sejam oferecidas tanto para crianças quanto para adultos, no próximo ano.

Curso de extensão “Introdução ao Desenho e à Pintura

O projeto, coordenado pelo professor de Artes Aplicadas da UFSJ Ricardo Coelho, nasceu em março deste ano de uma parceria entre a Extensão da UFSJ, a Associação de Moradores do Alto da Torre (AMAT) e a Associação de Amigos do Festival Artes Vertentes (AAFAV), que cede o espaço e os materiais para as atividades. “Introdução ao Desenho e à Pintura” tem como bolsista Fabíola de Gobbi Ciociola, também do curso de Artes Aplicadas da UFSJ. O objetivo é introduzir conceitos de pintura e desenho às crianças, fazendo com que elas desenvolvam a expressão artística.

Fonte: https://ufsj.edu.br/

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Ir arriba